.
Início do cabeçalho
.

Início do conteúdo

Início do conteúdo
Tribunal de Justiça de Minas Gerais. FOTO: Arquivo
Tribunal de Justiça de Minas Gerais. FOTO: Arquivo

O corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, solicitou ao desembargador Alexandre Victor de Carvalho, do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), informações acerca de fatos divulgados pelo site da Folha de S. Paulo e da Revista Fórum sobre negociação de cargos fantasmas para a família.

Segundo os veículos de comunicação, o magistrado, em interceptações telefônicas da Polícia Federal, propõe que o filho e a mulher dele atuem como funcionários fantasmas, sem cumprir as cargas horárias exigidas para os cargos, e sugere até um esquema de “rachadinha” para dividir salário a ser pago pelo erário à sogra.

Assim, o ministro Martins facultou que o desembargador apresente informações acerca de tais fatos, no prazo de 15 dias.

Corregedoria Nacional de Justiça


Tópicos: corregedoria nacional de justiça,TJMG