.
Início do cabeçalho
.

Início do conteúdo

Início do conteúdo

Para celebrar o Dia Nacional da Adoção, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) vai realizar neste sábado (25/5) um “tuitaço”, às 10h, com a hashtag #AdotarÉAmor. Já foram confirmadas as participações de diversas personalidades, como os atores Leandra Leal e Lázaro Ramos, e a ativista pelo combate à violência contra a mulher Maria da Pena. O objetivo é sensibilizar a sociedade sobre a adoção de crianças e adolescentes, por meio de histórias compartilhadas, além de inundar o Twitter com mensagens a favor da adoção.

A ação faz parte da campanha #AdotarÉAmor, lançada no início do mês de maio nas redes sociais oficiais do CNJ - Facebook, Twitter e Instagram. Até o momento, foram publicados 16 posts da campanha, que conta com a participação de pelo menos 25 órgãos e instituições entre tribunais de Justiça, tribunais regionais federais, tribunais regionais eleitorais e o Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Na página da campanha no Portal do CNJ, é possível encontrar sugestões de mensagens de apoio para postagens no Twitter e diversas imagens da campanha, produzidas pela equipe de mídias digitais do CNJ.

Segundo os dados estatísticos do Cadastro Nacional da Adoção (CNA), até o dia 23 de maio, havia 45.997 pretendentes e 9.526 crianças aptas para adoção. Entre os pretendentes, apenas 6,6% incluem a possibilidade de adotar crianças acima de 8 anos de idade. Contudo, das crianças aptas, 5.586 possuem idade entre 9 e 17 anos, o que representa 58,6% do total de crianças cadastradas.

Campanha

Este é o terceiro ano que o CNJ realiza a campanha por meio da hashtag #AdotarÉAmor. Em 2019, a campanha foi lançada no dia 2 de maio, com o mote “Amor que completa”. No Instagram, por exemplo, a ação foi acompanhada por cerca de 60 perfis. O post divulgou o link da página do CNA no portal do CNJ, que dá acesso a várias informações sobre adoção no Brasil.

Agência CNJ de Notícias


Tópicos: adoção,Cadastro Nacional de Adoção (CNA)