.
Início do cabeçalho
.

Início do conteúdo

Início do conteúdo
Foi realizada nesta sexta-feira (18) a primeira reunião do Tribunal de Justiça de Sergipe para acompanhamento e avaliação da execução das ações para o cumprimento das 4 metas prioritárias, definidas no 4º Encontro Nacional do Judiciário - ocorrido em dezembro do ano passado. Neste primeiro encontro, foi feito um panorama das metas estabelecidas para este ano e a comprovação de que três das quatro metas já foram cumpridas pelo TJSE. A única meta não cumprida, até o momento, é aquela que somente pode ser apurada no final do ano que é julgar quantidade igual à de processos de conhecimento distribuídos em 2011 e parcela do estoque, com acompanhamento mensal - e que foi cumprida nos últimos três anos pela Justiça estadual.

A responsável pelo acompanhamento e gestora das metas no TJSE é a Juíza Auxiliar da Presidência, Suyene Barreto de Santana, que informou a situação do Tribunal de Justiça de Sergipe é confortável: "A cultura organizacional do nosso tribunal tem facilitado este processo. Essas reuniões servirão para que possamos acompanhar o cumprimento da meta 3 e avançarmos ainda mais nas metas que já estão cumpridas".

De acordo com o Diretor de Planejamento e responsável pela coordenação das atividades ligadas ao cumprimento das metas, Erick Andrade, as reuniões de acompanhamento acontecerão trimestralmente. "A ideia é fortalecer o nosso Judiciário e por isso estaremos atentos para avançar cada vez mais em cada uma das metas".

Participaram também da reunião, o Juiz-corregedor, Gilson Felix, o Diretor de Modernização Judiciária, Romualdo Prado Júnior, o Diretor do Memorial do Judiciário, Igor Washington Torres Dantas, Chefe da Divisão de Jornalismo, Luciano Andrade, o Chefe da Div. de Estatística, Fabrízio Dantas, o gestor de projetos da Coordenadoria da Infância e Juventude,  Ronaldo Mateus Alves e o auxiliar administratico, Rafael Santa Rosa.

Há mais de 10 anos o TJSE criou o Programa Justiça na Escola com a finalidade de divulgar nas escolas as funções, atividades e órgãos do Poder Judiciário, especialmente nas redes estadual e municipal. Este ano o programa está passando por uma reformulação e passa ser gerido pela Coordenadoria da Infância e Juventude.   

Em 2010, com o objetivo de divulgar e informar à sociedade sergipana sobre a Justiça e o Poder Judiciário, através de uma linguagem fácil, rápida e objetiva: foram publicadas duas edições do informativo, o primeiro com o tema "Fóruns Integrados: acesso à Justiça", com uma tiragem de 30.000 exemplares, foi distribuído à população nos terminais de ônibus urbanos na capital, e o segundo com o tema "Conheça o Poder Judiciário e a sua Estrutura em Sergipe", com uma tiragem de 20.000 exemplares, está sendo distribuído nas faculdades do Estado.

Outras ações estão sendo definidas em conjunto pela Diretoria de Comunicação, Coordenadoria da Infância e Juventude e o Memorial do Poder Judiciário para a ampliação do cumprimento da meta.


As quatro Metas do Judiciário para 2011, são:

Meta 1: Criar unidade de gerenciamento de projetos para auxiliar a implantação da gestão estratégica.
Meta 2: Implantar sistema de registro audiovisual de audiências em pelo menos uma unidade judiciária de primeiro grau em cada tribunal.
Meta 3: Julgar quantidade igual a de processos de conhecimento distribuídos em 2011 e parcela do estoque, com acompanhamento mensal.
Meta 4: Implantar pelo menos um programa de esclarecimento ao público sobre as funções, atividades e órgãos do Poder Judiciário em escolas ou quaisquer espaços públicos.

Fonte: Diretoria de Comunicação do TJSE