.
Início do cabeçalho
.

Início do conteúdo

Início do conteúdo
Gastos de maio e junho foram os menores em 4 anos (Rodrigo de Oliveira/Agência CNJ)
Gastos de maio e junho foram os menores em 4 anos (Rodrigo de Oliveira/Agência CNJ)

A Seção Judiciária do Maranhão (SJMA) teve redução significativa no consumo de energia elétrica nos meses de maio e junho. Foram os menores números dos últimos quatro anos. Em comparação com 2017, a redução em abril deste ano foi de 2,49%; em maio, de 5,21%, e em junho, de 8,67%.

Ao fazer uma comparação com 2016, ano em que se iniciou o programa de redução de consumo, ao fim de 2018 a redução será de 700.000 kWh, ou seja, uma economia de aproximadamente R$ 600 mil. Do ponto de vista ambiental e utilizando dados da Carbonfund Foundation (0,554kg/kWh – CO2/kWh), essa redução de consumo equivale a mais de 418 toneladas de carbono que a Seccional deixará de emitir no triênio 2016-2018.
Os dados reafirmam o compromisso e a responsabilidade da SJMA com a eficiência na gestão dos recursos públicos e com a redução dos impactos ambientais.

Fonte: SJMA


Tópicos: meio ambiente,Sustentabilidade,Consciência ambiental,Gestão ambiental,gestão socioambiental,Plano de Logística Sustentável (PLS)