Judiciário e UFMA mantêm convênio para curso em gestão pública

You are currently viewing Judiciário e UFMA mantêm convênio para curso em gestão pública
Compartilhe
Convênio de cooperação técnico-científica entre o Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), a Escola Superior da Magistratura (Esmam) e a Universidade Federal do Maranhão (UFMA), assinado na terça-feira (18/11), abre 360 vagas para a segunda turma do Curso de Especialização em Gestão Pública na modalidade a distância, destinada à formação e aperfeiçoamento de magistrados e servidores do Poder Judiciário. O curso é gratuito e direcionado aos servidores de nível superior.

Do total de vagas, 240 serão ofertadas aos efetivos e 120 aos comissionados, lotados nos polos de Caxias, Codó, Grajaú, Imperatriz, Pinheiro e São Luís. A duração da pós-graduação é de 20 meses, com carga horária de 360 horas, incluindo momentos presenciais obrigatórios nos polos para realização das avaliações e para defesa do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

A seleção dos candidatos será disciplinada em edital com chamada pública, que está sendo elaborado pela UFMA e deverá ser publicado no site do Núcleo de Educação a Distância da UFMA e na página da Esmam. Em março deste ano, mais de 270 servidores concluíram com êxito a pós-graduação e receberam certificado conferindo o grau de especialista em Gestão Pública. “Com o que aprendi no curso, passei a ter um olhar diferenciado no meu setor de trabalho. Para quem atua em comarca do interior, é muito proveitoso pelo fato de evitar deslocamento até a capital”, destacou o servidor Aldir César Melo, da Comarca de Pinheiro.

“Será a segunda turma do curso a distância de Especialização em Gestão Pública. Mais um passo importante para a melhoria da prestação jurisdicional no estado, pois teremos servidores qualificados e alcançando boa performance na carreira, sem nenhum custo”, ressaltou o diretor da Esmam, desembargador Marcelo Carvalho Silva. Ele acrescentou que, com o grau de especialista, a intenção é que os servidores estejam à disposição do tribunal para exercer atividades gerenciais no âmbito do Poder Judiciário.

Capacitação – Com o objetivo de motivar e garantir o aperfeiçoamento profissional dos servidores, o convênio faz parte das metas traçadas pela escola judicial e está inserido nas diretrizes estratégicas do Tribunal de Justiça e no Plano Nacional de Capacitação Judicial do Poder Judiciário, conforme a Resolução nº 126/2011 do Conselho Nacional de Justiça. O prazo do convênio é de cinco anos. Mais informações podem ser obtidas na Esmam pelo telefone (98) 3235-3231 ou pelo e-mail esmam@tjma.jus.br.

Fonte: TJMA