72º Encoge começa nesta quinta-feira em Brasília

Você está visualizando atualmente 72º Encoge começa nesta quinta-feira em Brasília
Foto: STJ
Compartilhe

Começa nesta quinta-feira (11/8), na sede do Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília, o 72º Encoge – Encontro Nacional dos Corregedores-Gerais de Justiça. A corregedora nacional de Justiça, ministra Nancy Andrighi, receberá os corregedores de todos os Tribunais de Justiça do país, junto com a presidente do Colégio Permanente de Corregedores-Gerais dos Tribunais de Justiça do Brasil (CCOGE), desembargadora Maria Erotides Kneip, do Tribunal de Justiça do Mato Grosso (TJMT).

Na abertura do encontro, a ministra Nancy Andrighi apresentará aos corregedores estaduais o novo corregedor nacional de Justiça, ministro João Otávio de Noronha, do STJ, que tomará posse no cargo no dia 24 de agosto.

Durante dois dias, os corregedores estaduais e seus auxiliares irão debater “Os impactos do Novo Código de Processo Civil e as Corregedorias-Gerais da Justiça: tendências e resoluções”. Para a corregedora nacional, a temática é oportuna, o momento adequado e as discussões serão profícuas devido à simbiose entre a nova norma processual e a normatização administrativa das Cortes de Justiça. “Os tribunais não podem ser ilhas isoladas, mas devem constituir-se em arquipélago em prol do bom funcionamento – jurisdicional e administrativo – e de ações otimizadas. Os Encontros de Corregedores possibilitam a concretização desse ideário”, afirma Nancy Andrighi.

Além de palestras com os corregedores, o 72º Encoge contará com a participação de conselheiros do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e da desembargadora do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) Márcia Milanez, auxiliar da Corregedoria Nacional de Justiça.

O objetivo do Encoge é promover o intercâmbio de ideias, contribuindo para a melhoria da qualidade e para a prestação mais uniforme dos serviços judiciários em todo o Brasil. “O intercâmbio de ideias, projetos e ações, por intermédio das Corregedorias-Gerais da Justiça, é extremamente necessário para a edificação do Novo Judiciário Nacional, mais efetivo e próximo do cidadão”, ressalta a ministra Nancy Andrighi.

Todos os detalhes do evento estão disponíveis na página eletrônica do 72º Encoge.

Corregedoria Nacional de Justiça