Ceará: Central de Conciliação realiza 130 audiências no dia 8 de dezembro

A Central de Conciliação do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (TJ-CE) vai realizar 130 audiências de conciliação no dia 8 de dezembro, Dia Nacional da Conciliação. Segundo o coordenador da Central, José Cláudio Nogueira Carneiro, a idéia é mobilizar mais desembargadores voluntários para o Dia da Conciliação. "Temos três desembargadores atuando, atualmente, mas para o dia 8 de dezembro vamos convocar um número maior. Talvez possamos atingir a marca de 10 desembargadores", disse. O objetivo, segundo ele, é obter um maior número de acordos. 

Criada em agosto de 2004, durante a gestão do desembargador João de Deus Barros Bringel, a Central de Conciliação do Tribunal de Justiça vem, desde então, obtendo bons resultados no âmbito do 2º grau de jurisdição. Desde que foi criada, até setembro deste ano, a Central promoveu 501 audiências e homologou um total de 161 conciliações, o que representa 32% de sucesso na realização de acordos.

Atuam, como conciliadores voluntários, os desembargadores aposentados Edgar Carlos de Amorim, Regnoberto Duarte e Antônio Olímpio Castelo Branco, além do juiz Marcos Aurélio Rodrigues.

Apoio dos meios de comunicação 

A adesão dos meios de comunicação do Ceará ao Movimento pela Conciliação, promovido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), está cada vez maior. O apoio foi firmado durante visita de comissão liderada pelo presidente do TJ-CE, Fernando Luiz Ximenes Rocha, aos principais veículos locais.  

A comissão, composta por desembargadores do tribunal e juízes de direito, visitou as redações de veículos como o Sistema Povo de Comunicação, Sistema Verdes Mares, Grupo Jangadeiro, Grupo Cidade e Jornal O Estado.

Além do espaço conquistado para a inserção de spots publicitários da campanha, a idéia do Movimento pela Conciliação foi acolhida pelos profissionais da imprensa cearense. A ordem nas redações é priorizar pautas específicas sobre a Conciliação, bem como oferecer total cobertura jornalística no dia 8 de dezembro. (com informações da Assessoria de Comunicação Social do TJ-CE)

Deixe um comentário