CNJ em Ação apresenta o sistema de jurisprudência do Conselho

O programa CNJ em Ação deste sábado (22/12) apresenta o novo sistema do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o Infojuris, um banco de dados de toda a jurisprudência do órgão. O desenvolvimento do sistema é o resultado do trabalho de comissão encabeçada pelo conselheiro Jorge Hélio Chaves de Oliveira, a qual digitalizou todos as decisões proferidas pelo CNJ, desde sua criação.

O programa, que vai ao às 20h30 na TV Justiça, também mostra a fiscalização que o CNJ realiza em delegacias brasileiras. Esse é o tema do quadro “Bastidores”, que exibe entrevista com o conselheiro Tourinho Neto, líder do trabalho.

“Nós temos por volta de 500 mil pessoas presas em todo Brasil. Desse total, quase 50 mil estão em situação em irregular nas delegacias. Elas devem ficar lá apenas para prisão preventiva e não para cumprir pena, como ocorre em alguns casos”, afirma o conselheiro.

O programa CNJ em Ação é exibido semanalmente aos sábados na TV Justiça e também pela TV Câmara, às terças-feiras. Tem o diferencial de mostrar aos telespectadores as principais ações e julgamentos do CNJ e também o trabalho das comissões técnicas do CNJ.

Exibições:

Inédito – às 20h30 de sábado (22/12).

Reapresentações – às 7h do dia 23/12, às 11 horas do dia 24/12 e às 4h30 do dia 28/12.

Agência CNJ de Notícias

Deixe um comentário