CNJ no Ar destaca meta de redução dos presos provisórios do TJMA

Compartilhe

A edição desta quarta-feira (9/1) do CNJ no Ar destaca a meta estabelecida pelo Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão (TJMA) para reduzir, em 2013, o número de presos provisórios no estado. Outro destaque do programa é o controle de documentos do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT).

Até o fim do ano, a população carcerária do Maranhão deverá ter 10% menos presos provisórios. O juiz auxiliar da Segunda Vara de Execução Penal de São Luís, Douglas Melo Martins, fala sobre o objetivo traçado pelo Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário do TJMA, que o magistrado coordena atualmente.

O programa desta quarta-feira (9/1) traz ainda entrevista com o arquivista do TJDFT Otacílio Guedes Marques. Na conversa, ele explica como serão eliminados documentos relativos a processos do Sétimo Juizado Cível de Brasília. Marques é o supervisor do Serviço de Apoio à Memória Institucional do tribunal.

Transmitido pela Rádio Justiça, de segunda a sexta-feira, a partir das 10 horas, na frequência 104.7 FM, o CNJ no Ar consiste em uma parceria entre o CNJ e a Rádio Justiça. O programa também pode ser acessado pelo site www.radiojustica.jus.br.

Agência CNJ de Notícias