Conselho realiza curso de formação de instrutores em mediação judicial e conciliação

Você está visualizando atualmente Conselho realiza  curso de formação de instrutores em mediação judicial e conciliação
Compartilhe

Começa na segunda-feira (1º/12) curso promovido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para formar instrutores em mediação judicial e conciliação. Os 29 alunos que participarão das aulas foram indicados pelos Núcleos Permanentes de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos dos tribunais dos Estados ou do Distrito Federal e dos Territórios.

O objetivo do curso é incentivar e promover a formação de instrutores nos métodos consensuais de solução de conflitos, em especial a mediação judicial. Os participantes receberão treinamento para capacitar novos profissionais em mediação e conciliação nos seus tribunais de origem. Nas 40 horas de atividades, serão abordados temas como a teoria do conflito, fundamentos de negociação, resolução de questões, entre outros conteúdos. Uma parte do curso será dedicada à mediação de família. Os instrutores aprenderão sobre o escopo da mediação de família, assim como qual o âmbito de atuação.

Quem se inscrever e deixar de comparecer ao curso sem motivo perderá a oportunidade de participar de novos cursos promovidos pelo CNJ pelo prazo de seis meses. O curso será oferecido gratuitamente pela Comissão Permanente de Acesso à Justiça e Cidadania do CNJ, mas os custos relativos a alimentação e hospedagem em Brasília serão de responsabilidade dos participantes.

Política – Até o final do ano, o CNJ pretende habilitar 21 mil pessoas em técnicas de resolução de conflitos de forma não litigiosa, como parte da Política Nacional de Conciliação, estabelecida pela Resolução CNJ n. 125, de novembro de 2010.

Serviço:
Curso de Formação de Instrutores em Mediação Judicial e Conciliação
Data: de 1º a 5/12/2014
Horário: de 8 às 12 horas e de 14 às 18 horas
Local: NUPEMEC – TJDFT
Carga horária: 40 horas-aula

Manuel Carlos Montenegro
Agência CNJ de Notícias