Conselheiro participa de seminário sobre corrupção

Você está visualizando atualmente Conselheiro participa de seminário sobre corrupção
Compartilhe

O conselheiro Wellington Saraiva será um dos palestrantes do Seminário Transparência e Controle da Corrupção, que será realizado no próximo dia 10 de dezembro, em São Paulo. O evento integra a campanha “Não Aceito Corrupção”, desenvolvida pelo Movimento do Ministério Público Democrático (MPD), com o apoio de diversos órgãos, entre os quais o Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Lançada em maio deste ano, a campanha tem por objetivo “resgatar a capacidade de indignação de pessoas e, dessa forma, contribuir para a mudança de cultura em relação à corrupção”, segundo explicou o promotor de Justiça Roberto Livianu, coordenador da iniciativa.

A campanha é composta por dois filmes idealizados pela agência Flag e produzidos pela O2 filme, além de peças para mídia aeroportuária, anúncios em jornal, spots de rádio e internet. Todos os envolvidos na concepção da campanha abriram mão de qualquer remuneração, justamente em razão da natureza da iniciativa. A reprodução desse material é livre e pode ser obtida pelo site www.nãoaceitocorrupção.com.br.

O Seminário Transparência e Controle da Corrupção será o segundo promovido pelo MPD. Um primeiro evento, sobre o tema Controle da Corrupção, foi realizado em 4 de setembro último. “Esse novo encontro visa dar sequência ao debate anterior”, afirmou Livianu.

O Seminário coincide com as atividades em promoção ao Dia Internacional de Combate à Corrupção, celebrado em 9 de dezembro. “Aproveitamos esta data para fazer esse debate sobre a transparência”, explicou o coordenador da campanha.

Giselle Souza
Agência CNJ de Notícias

Serviço:

O que: Seminário Transparência e Controle da Corrupção

Quando: 10 de dezembro

Onde: Memorial da América Latina – Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664, Barra Funda, São Paulo

Confira abaixo a programação do evento:

Apresentação: Christine Fernandes (TV Globo).

8h30 – 9h: composição da mesa e solenidade de abertura.
 
Painel da manhã: Controle da transparência pelo Estado.

9h – 9h50: Expositor Conselheiro Dimas Ramalho (TCE). Tema: Controle da transparência pelos estados e municípios. Debatedora Maria Regina Momesso (Unesp).

9h50 – 10h40: Expositora Conselheira Tais Ferraz (CNMP). Tema: Papel do Conselho Nacional do Ministério Público. Debatedor Gustavo Ungaro (Presidente da CGA/SP).
 
10h40 – 11h10: Intervalo.

11h10 – 12h: Expositor Ministro-Chefe Jorge Hage (CGU). Tema: Controle federal, lei de acesso a informações. Debatedor Jornalista Milton Jung (CBN).

12h – 12h50: Conselheiro Wellington Saraiva (CNJ). Tema: Papel do Conselho Nacional de Justiça. Debatedor Jornalista Frederico Vasconcelos (Folha).

12h50 – 13h20: Apresentação dos resultados e análise da pesquisa sobre a implementação da Lei de Acesso no Ministério Público do Brasil. Fabiano Angélico e Roberto Livianu.
 
13h20 – 15h: Almoço
 
Painel da tarde: Controle da transparência pela sociedade

15h – 15h50: Jornalista Fernando Rodrigues (Folha). Tema: O papel da Imprensa. Debatedor Daniel Bramatti (Blog Públicos do Estadão).

15h50 – 16h40: Pesquisador Fabiano Angélico (GV). Tema: O papel do terceiro setor. Debatedor Lizete Verillo (Amarribo).

16h40 – 17h30: Subprocuradora-geral da República e Ouvidora Ela de Castilho (MPF). Tema: A sociedade e as ouvidorias. Debatedor: Marcelo Arno Nerling (USP).

17h30 – 18h: Intervalo

18h – 18h50: Embaixador Roberto Abdenur (Presidente Instituto ETCO). Tema: O papel do setor privado. Debatedor Davi Cohen (Revista Época).

18h50 – 19h40: Eugênio Bucci (ECA). Tema: Publicidade x privacidade. Debatedora Ana Lúcia Menezes Vieira (MPD).
 
19h40: Encerramento.