Despesa do Judiciário cresce abaixo da média histórica

Compartilhe

A despesa do Judiciário no ano passado atingiu R$ 41 bilhões, um aumento de 3,7% em relação a 2009. Mas o crescimento foi menor do que a média histórica. Nos anos anteriores, a despesa crescia à taxa de 8%, informou nesta segunda-feira (29/08) o conselheiro José Guilherme Vasi Werner, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

O conselheiro divulgou estes dados durante a apresentação da pesquisa Justiça em Números, realizada na companhia do presidente do CNJ, ministro Cezar Peluso, durante seminário que acontece durante todo o dia, em Brasília.

José Guilherme Vasi Werner ressaltou que, conforme a pesquisa, os gastos com recursos humanos no Judiciário apresentaram uma pequena queda entre 2009 e 2010. Isso pode indicar que os tribunais terão mais recursos para investimentos.

Em sua apresentação, o conselheiro destacou, também, a queda na quantidade de processos novos ingressados na Justiça no ano passado e lembrou que o Justiça em Números é importante para o autoconhecimento do Poder Judiciário. Os dados do Justiça em Números, trabalho realizado com base em informações dos tribunais de justiça, são fundamentais para o Judiciário planejar suas ações e atender à demanda da sociedade, afirmou o conselheiro.

Gilson Luiz Euzébio
Agência CNJ de Notícias