Mutirão Carcerário chega a Sergipe

Compartilhe

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) inicia nesta terça-feira (27/3) o Mutirão Carcerário em Sergipe.  Será o último estado brasileiro a receber o programa, iniciado em agosto de 2008. Como a vara de execução penal no Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe (TJSE) é virtual, o trabalho de análise dos processos será acelerado.

O diagnóstico do sistema carcerário e da Justiça criminal do estado deve ser realizado em apenas uma semana. A previsão de conclusão é dia 3 de abril. Os trabalhos serão coordenados pela juíza Ivana David e pelo juiz Ulysses Gonçalves Jr. Os juízes do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo foram designados pelo Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário (DMF/CNJ).

Desde o início do programa, o Mutirão Carcerário já libertou 36 mil pessoas e reconheceu o direito a benefícios de 76 mil presos após analisar 415 mil processos.

Manuel Carlos Montenegro
Agência CNJ de Notícias