Acesso à página do CNJ, no Facebook, dobrou no ano passado

Você está visualizando atualmente Acesso à página do CNJ, no Facebook, dobrou no ano passado
Compartilhe

As publicações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) no Facebook atingiram mais de 122 milhões de usuários da rede em todo o mundo. É o que mostra o balanço sobre o alcance desta mídia em 2013. Segundo a consulta, somente nesse ano, o número de pessoas que curtiram a página do órgão de planejamento estratégico do Judiciário brasileiro mais do que dobrou – saltou de 126,7 mil fãs em janeiro para mais de 280 mil em dezembro.

Segundo o balanço, a fanpage veiculou 1.490 diferentes posts neste ano. Um deles, publicado no dia 9 de dezembro, em menção ao Dia Internacional de Combate à Corrupção, fez com que o perfil do CNJ fosse o mais acessado do mundo quando comparado a outras páginas de órgãos públicos. Ainda nos dias posteriores ao início da campanha contra a corrupção, o CNJ registrou mais de 139 mil internautas repercutindo os assuntos de sua página no Facebook.

Esse número colocou o Conselho à frente até mesmo da página da Casa Branca, que teve 104 mil repercussões no mesmo período analisado. Na ocasião, as publicações do CNJ também alcançaram mais pessoas que as fanpages da Nasa, do Exército norte-americano, da Força-Aérea dos Estados Unidos da América e dos Ministérios da Justiça, da Saúde e do Exército Brasileiro.

Desde que entrou nas redes sociais, o CNJ está sempre entre as fanpages institucionais mais repercutidas no mundo.

Veja os 10 posts do CNJ que mais repercutiram no Facebook em 2013.

{album-cnj:[47]::}

Giselle Souza
Agência CNJ