Ophir Cavalcante se despede do CNJ e relembra luta pelos poderes do Conselho

Você está visualizando atualmente Ophir Cavalcante se despede do CNJ e relembra luta pelos poderes do Conselho
Compartilhe

O presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ophir Cavalcante, participou nesta terça-feira (29/1) de sua última sessão no cargo, o que lhe dá direito a oficiar perante o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em todas as sessões plenárias. “A OAB, ao longo das diferentes gestões, sempre foi aqui respeitada e ouvida e esteve ao lado do CNJ com o objetivo de fortalecer a Justiça brasileira”, afirmou.

Ao se despedir, Ophir Cavalcante agradeceu a acolhida do Conselho e lembrou as lutas empreendidas pela entidade e pelos membros do CNJ pela manutenção dos poderes do órgão. “Empreendemos uma luta de titãs pelos poderes do CNJ. O Supremo Tribunal Federal (STF) tem, sim, a última palavra, mas este Conselho tem poder relevantíssimo. A Justiça, a partir da afirmação deste Conselho, passou a ser mais transparente”, concluiu.

Como forma de agradecimento, Ophir Cavalcante entregou ao presidente do STF e do CNJ, ministro Joaquim Barbosa, uma réplica do prédio que é a sede do Conselho Federal da OAB e que foi projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer. A imagem também foi entregue aos conselheiros Jefferson Kravchychyn e Jorge Hélio, membros do CNJ indicados pela OAB. O mandato de Ophir Cavalcante na presidência do Conselho Federal da OAB termina no próximo dia 31 de janeiro.

Tatiane Freire
Agência CNJ de Notícias