Programa do CNJ valoriza a magistratura, diz presidente do TRF 5

Você está visualizando atualmente Programa do CNJ valoriza a magistratura, diz presidente do TRF 5
Compartilhe

Foi aberto na manhã desta segunda-feira (1/10), em Recife/PE, o Encontro Regional Nordeste do Programa Valorização dos Magistrados: Juiz Valorizado, Justiça Completa, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).  Juízes e desembargadores dos estados do Nordeste discutem mecanismos de valorização da magistratura e do Poder Judiciário, tanto em sua estrutura interna como perante a sociedade. O presidente do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF 5), desembargador Paulo Roberto de Oliveira Lima, agradeceu a iniciativa do CNJ e disse esperar que as propostas aprovadas no encontro contribuam para resgatar o valor da magistratura.

“O Conselho Nacional de Justiça, com este programa, está valorizando a magistratura. Nós, magistrados, somos servidores públicos. Somos uma categoria comum. Mas uma categoria comum que tem algo especial que precisa ser mostrado. E essa é a grande dificuldade que temos de enfrentar”, afirmou o desembargador, na sede do TRF 5, onde se realiza o encontro.

O presidente do TRF 5 compôs a mesa de abertura do evento juntamente com os conselheiros do CNJ José Lucio Munhoz, coordenador do Programa Valorização, Gilberto Martins, Jefferson Kravchychyn e Emanoel Campelo; o presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco (TJPE), desembargador Jovaldo Nunes Gomes; e o presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT 6), desembargador André Genn de Assunção Barros. Participam também do evento diretores de escolas da magistratura, presidentes de associações de magistrados e assessores de Comunicação Social do Poder Judiciário.

O Encontro Regional Nordeste do Programa Valorização dos Magistrados é realizado em parceria com a Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), a Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) e a Associação Nacional dos Magistrados do Trabalho (Anamatra).

Jorge Vasconcellos
Agência CNJ de Notícias