Tribunais debatem planejamento estratégico do Judiciário entre 2015 e 2019

Você está visualizando atualmente Tribunais debatem planejamento estratégico do Judiciário entre 2015 e 2019
Compartilhe

Representantes de todos os ramos da Justiça brasileira discutiram, na última quinta-feira (15/8), os desafios que o Poder Judiciário terá nos próximos anos, durante videoconferência promovida pela Comissão Permanente de Gestão Estratégica do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O encontro faz parte da elaboração do Planejamento Estratégico do Poder Judiciário 2015-2019, que deverá ser votado em fevereiro do ano que vem.

O CNJ apresentou um mapa dos chamados macrodesafios aos participantes da videoconferência, que discutiram sobre recursos, processos internos, resultados e outros temas que farão parte do planejamento estratégico. A partir desse mapa, serão definidos os objetivos que a Justiça buscará atingir nos próximos anos, processo iniciado em junho passado.

A presidente da Comissão Permanente de Gestão Estratégica do CNJ, conselheira Maria Cristina Peduzzi, ressaltou a importância de construir o planejamento estratégico coletivamente. “É importante que cada representante de tribunal identifique seus potenciais e dificuldades da sua corte para podermos traçar metas que sejam abrangentes. Nosso trabalho aqui é ouvir”, afirmou a ministra.

O juiz auxiliar da Presidência do CNJ Clenio Jair Schulze observou que a função do Conselho é atuar em forma de governança colaborativa com os tribunais, destacando-se o empenho demonstrado pelos representantes de todos os segmentos do Judiciário brasileiro, na construção de um plano estratégico que alcance positivamente os servidores, os magistrados e a sociedade.

“Com engajamento de todos estamos construindo estratégia bastante arrojada para os próximos 5 anos, mantendo alguns compromissos atualmente já firmados, como o combate à improbidade e à corrupção e avançando em novos desafios, como o enfrentamento às questões que envolvem grandes litigantes e ações repetitivas”, afirmou o Diretor de Gestão Estratégica do CNJ, Ivan Bonifácio

Nos  dias 11 e 12 de setembro, nova reunião será realizada em Brasília/DF para a discussão das metas do Poder Judiciário que serão levadas à votação durante o VII Encontro Nacional do Poder Judiciário, marcado para novembro, em Belém/PA.

Manuel Carlos Montenegro
Agência CNJ de Notícias