Portuguese PT English EN Spanish ES
Webinário apresenta Sisbajud a magistrados e servidores do Judiciário
Webinário apresenta Sisbajud a magistrados e servidores do Judiciário

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em parceria com a Comissão Nacional de Efetividade da Execução Trabalhista, realiza no dia 8 de outubro, das 15h às 17h30, o webinário “Sistema de Busca de Ativos do Poder Judiciário – Sisbajud: Principais Inovações”. A ideia é apresentar para os juízes e servidores do Poder Judiciário a nova ferramenta de apoio às execuções judiciais.

O presidente do Comitê Gestor dos Cadastros Nacionais, conselheiro Marcos Vinícius Jardim Rodrigues participará a abertura do evento, que contará ainda com corregedor-geral da Justiça do Trabalho, ministro Aloysio Corrêa da Veiga. Toda a apresentação técnica será feita pela juíza auxiliar do CNJ Dayse Starling, uma das responsáveis pela implantação do novo sistema.

O Sisbajud interliga a Justiça às instituições financeiras, agilizando a solicitação de informações e o envio de ordens judiciais ao Sistema Financeiro Nacional, via internet. Ele permite o envio eletrônico de ordens de bloqueio e requisição de informações básicas de cadastro e saldo, além de requisitar informações detalhadas sobre extratos em conta corrente, fatura do cartão de crédito e operações de câmbio, reduzindo o prazo de tramitação dos processos e aumentando a efetividade das decisões judiciais.

Desde dezembro de 2019, após acordo de cooperação técnica entre o CNJ e o Banco Central e a Procuradoria da Fazenda Nacional – PGFN, o Sisbajud começou a ser desenvolvido para substituir o Bacenjud. Com arquitetura de sistema mais moderna, o novo sistema traz novidades como o a reiteração automática de ordens de bloqueio (conhecida como “teimosinha”).

Clique aqui para se inscrever no evento

O webinário será transmitido de forma virtual pelo link enviado aos inscritos. Os interessados devem se inscrever até o dia 7 de outubro. Quem acompanhar o evento, receberá certificado de participação.

Paula Andrade
Agência CNJ de Notícias

A
Fechar Menu